Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Não tenhas pressa.

Aproveita a infância.

Aproveita para brincar na rua, rebolar na relva, apanhar bolas de sabão e fazer bolos de terra.

Aproveita o teu quarto, dança, canta e liberta a imaginação.

Aproveita a casa da avó, brinca com bichos e vê desenhos animados.

Aproveita a juventude.

Aproveita a escola e principalmente os intervalos para jogar matraquilhos. Falta a uma aula, de vez em quando, e fica na conversa com amigas. Desfruta das tardes/manhãs livres.

Desfruta da companhia daquele amigo que te faz sentir bem. Ri e brinca com ele, troquem bilhetes no meio das aulas. Não é sms's, é bilhetes feitos de papel e escritos a lápis. Guarda-os. Vais gostar de os ler mais tarde. Diz-lhe que gostas dele, não tenhas vergonha. Aproveita.

Inscreve-te nas aulas de moral para ires às visitas de estudo.

Aproveita aquelas aulas de informática que fazem com que a segunda-feira seja o teu dia preferido. Desfruta da brincadeira e gargalhadas com o teu colega e amigo do lado. Não esqueças a professora que não esconde que gosta de ti, ela gosta das vossas gargalhadas no meio da aula, mesmo que vos repreenda; ela fica dececionada quando têm uma nota menos alta.

Aproveita as aulas de biologia, em que o teu amigo disputa amigavelmente contigo a melhor nota.

Aproveita o teu quarto, estuda com música e fica no chat com aquele amigo especial até te doer os olhos. Diz-lhe tudo o que queres dizer, não fiques apenas a olhar para o cursor a piscar.

Vai a casa das tuas amigas. Oiçam música, dancem e digam parvoíces. Desfruta.

Um dia, li algures: passamos a infância e a juventude a desejar sermos adultos para termos liberdade, mas o que acontece na realidade é exatamente o contrário.

Não tenhas pressa.

tumblr_la72o6jUIt1qdy455.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

Imagem de perfil

De Mulher, Filha e Mãe a 03.03.2015 às 16:57

Lembro-me tão bem de ser criança e desejar ser adolescente. De ser adolescente e desejar ser adulta, e agora que sou adulta, mesmo sendo feliz, sei que faz parte em determinados momentos voltar a querer ser criança. Há uma liberdade de consciência que nos permite voar sem limites. Ler este post, voltou a dar-me saudades daquele meu riso alto que contagiava o mundo à minha volta quando ainda usava a franjinha curta e tinha pressa. Pressa de ser quem sou. É assim, o tempo voa e nós, mesmo sem nos apercebermos, andamos sempre a querer voar mais rápido.
Imagem de perfil

De pequenosencantos a 03.03.2015 às 22:01

Fico contente por te ter feito ficar com saudades.
Imagem de perfil

De escritaaoluar a 03.03.2015 às 21:17

Excelente! Acabei de reviver a minha adolescência e juventude. Feliz e descontraída: com muitas gargalhadas pelo meio e muitas, muitas, brincadeiras saudáveis...
Imagem de perfil

De pequenosencantos a 03.03.2015 às 21:58

Ainda bem. Obrigada!
Imagem de perfil

De Fatia Mor a 03.03.2015 às 22:05

Adorei! Acho que resumiste a minha infância e adolescência. Consegui dar um rosto ou uma memória a cada frase. Há dias em que tenho saudades de rir à gargalhada, como fazíamos antes de ter tanta "liberdade"!
Imagem de perfil

De pequenosencantos a 03.03.2015 às 22:19

Boa!!! Obrigada!
Imagem de perfil

De Mom Sandra a 05.03.2015 às 00:26

Digo isto tantas vezes à Inês (menos a parte de faltar às aulas... essa vou deixar que ela descubra sozinha - ou melhor, com alguma companhia).
O meu desejo de crescer era para ter 16 anos! Nem sei porquê, mas desde os 12 que só desejava ter 16.
Imagem de perfil

De pequenosencantos a 05.03.2015 às 12:43

E aposto que ela não te ouve...
A minha mãe avisou-me tanto. Mas as mães nunca têm razão.
Imagem de perfil

De Mom Sandra a 05.03.2015 às 13:14

Pois não!...
Bem, esta mãe tem TODA a razão!

Comentar post





Comentários recentes